Tel:(54) 3356 1474 | E-mail: contato@radiocidaders.com.br



Deputados analisarão posição de ministro do STF sobre impeachment

Barroso suspendeu rito e votação secreta definidos por Eduardo Cunha


Foto: Carlos Humberto / STF/ CPMemória

A Câmara deve criar nos próximos dias um grupo de trabalho para analisar o posicionamento do ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF), sobre o rito do processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff. Três frentes parlamentares oficializaram nesta quinta-feira, o pedido de criação do grupo ao presidente da Casa, deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ).
Em dezembro, Barroso suspendeu o rito definido por Cunha, assim como a votação secreta para a comissão especial que decidiria sobre o tema. Agora, as frentes parlamentares da Agropecuária, da Segurança e a Evangélica querem debater a decisão e levantar subsídios para que a procuradoria da Câmara tente derrubar o voto do ministro.

Fonte: Correio do Povo