Tel:(54) 3356 1474 | E-mail: contato@radiocidaders.com.br



Luiz Zini Pires: o recado de Felipão ao futuro número 1 da CBF

Técnico gremista disparou contra Marco Polo del Nero


Foto: Marcelo Oliveira / Agencia RBS

Felipão anda irritado com as arbitragens. No Brasileirão, depois de cada jogo, na derrota ou no empate, é uma chuva de lamentações. Quando o Grêmio perdeu para o Corinthians, dia 23, o treinador gremista disse: “não querem dois gaúchos nos Libertadores”.
O presidente da Federação Paulista de Futebol (FPF) e futuro número 1 da CBF, Marco Polo Del Nero, sentiu a pegada de Felipão. Respondeu numa entrevista aos repórteres da Rádio Globo, de São Paulo. Disse que Felipão conhece a CBF, que faz um “chororô” a cada jogo e que a arbitragem erra, mas erra menos que os jogadores.
Nesta quarta-feira, Felipão respondeu ao dirigente paulista, sucessor de Marin:
— Eu disse em entrevista coletiva, e está gravado, que não interessa a quem administra o futebol como empresa ter duas equipes do sul e duas de Minas classificadas para a Libertadores. Em nenhum momento citei a entidade CBF. Que eu saiba, a Confederação Brasileira não é uma empresa e, sim, uma entidade que tem como obrigação ajudar o futebol brasileiro e que não tem fins lucrativos. É só prestar atenção no que eu disse. Pois se não ouviu era melhor não emitir opinião.
Depois da Copa do Mundo do Brasil, Felipão e os dirigentes da CBF não se acertaram mais.

Fonte: zh.clicrbs.com.br